28 Replies to “Quem tira foto com o dedo no gatilho não sabe nada de armas”

  1. Dedo fora do gatilho é valido apenas em estandes, provas de tiro prâtico, esportivo ou defensivo. Em operação real, se você for invadir um comodo que possa ter meliantes dentro, ficar com o dedo fora do gatilho poderá significar sua morte.

    1. Dedo fora do gatilho… Até o ultimo segundo !!! Operacional tático, civil ou militar é treinado assim. No tiro o dedo calçado é o que causa acidentes sempre !!! Quem treina, não mantém o dedo calçado nem em arma de ação dupla !!! É um milésimo de segundo que significa matar ou não um filho pensando que é um intruso… Ou um civil, achando que é bandido !!!

    2. Filho, ficat com o dedo no gatilho é pedir pra matar com fogo amigo.
      Com uma explosão ou um tiro no susto é automático, instintivo vc apertar o gatilho e pode acabar atingido seu companheiro ou inocentes.

  2. Dedo no gatilho ou nao e igual a doutrina q seguem. Militares a exemplo EB e dedo no gatilho. Eu como civil prefiro fora. Ou seja no guarda mato, por levar em conta o stress fire em uma situaçao de conflito

    1. Não sei de onde tirou que no eb eh dedo no gatilho. Recém terminei meus cinco anos de formação e desde o começo aprendi que o dedo eh SEMPRE fora do gatilho.

    2. Dedo para o EB é dentro do gatilho. A única tropa, no Brasil, que utiliza dedo no gatilho é um grupo Especializado da PF, que é treinado pra ação rápida e me esqueci o nome agora.

    3. Sempre fora do gatilho e sempre por cima do guarda mato. É assim em nível tático, operacional, esportivo ou qualquer outra modalidade ou ação.
      Salva vidas e previne acidentes fatais.

  3. Em situações de combate, tensão, dedo FORA do gatilho. Mas, EM FOTO?… Não poderia o dono a arma ter posado com a arma SEM MUNIÇÃO…? Aí não há perigo. Penso que quem afirmou que “Quem tira foto com dedo no gatilho não sabe nada de armas” está querendo ser um tanto “dono da verdade”.

    1. Verdade! Acredito que o texto tenha sido escrito exatamente para achacar com os críticos de plantão que adoram mostrar que sabem, mas que na verdade nunca deram nem um tiro na vida (nem com uma pistola, que NÃO É carregada com PENTE, que NÃO É municiado com BALAS, e outros NÃOS infelizes e pedantes), ou simplesmente estão tão bitolados que não são mais capazes racionalizar frente a situações completamente distintas. Se a arma está positivamente desmuniciada, tanto faz.

  4. Avaliar alguem por conta de una foto é no mínimo precipitado! A foto é para fazer pose não se compara com situação real!!!

    A minha ti com minha arma entupida e dedo no gatilho e daí?

    Em princípio sou de cavalaria e até de .50 eu já atirei , ando armado desde os meus 16 anos e nunca dei mole ou causei um acidente.

    Papo furado, quem tem preparo pode e quem não tem não pode… simples assim!

    * meu ponto de vista, com o devido respeito às opiniões diferentes.

    1. O artigo é obviamente uma piada. Lembra quando a gente ria das piadas em vez de ficar de mimimi?

      Mas já que você se ofendeu, vou comentar.

      Palhaçada é você ignorar as normas de segurança mais básicas de qualquer doutrina digna do nome e ainda usar o argumento do motorista bêbado pra justificar o comportamento errado: “Sempre fiz isso e nunca deu problema, EU SEI O QUE ESTOU FAZENDO”.

      É ridículo você falar em “preparo” quando a sua atitude só revela ignorância, arrogância e irresponsabilidade.

      Ah, e o mais legal de tudo é que um dos objetivos do pessoal por aqui é tentar acabar com o preconceito que a sociedade tem contra as armas de fogo e os atiradores.

      Aí vem o senhor dizendo que as regras de segurança são papo furado, que você não precisa seguir porque tem preparo, etc.

      São atitudes como a sua que justificam a postura dos partidários do desarmamento, quando eles dizem que “Brasileiro não respeita a lei e não tem cultura para andar armado”.

      Aí o senhor me faz um papelão desses em público, dando munição para os adversários da causa, e ainda quer dar lição de moral nos outros?

      ISSO SIM é palhaçada.

  5. Observem que na foto a arma está apontada para cima e dedo, não está sobre o gatilho, mas próximo dele. Aprender a manusear e cuidar das armas desde cedo é o melhor para se evitar acidentes.

  6. Se for pra pensar assim, arma não se usa para mostrar, tirar foto nem p nenhuma. Vamos parar com essa palhaçada. Re-afirmo, sou de cavalaria sei usar todas as armas nacionais militares, bem como desmontar e montar e no escuro. Todo mundo que serviu aprendeu a atirar com o fuzil na posição de pé com o cotovelo apoiado na lateral do corpo.. .ohhhhh e na hora mesmo quem é o fdp que faz isso? Não tem regra, é como eu disse acima, quem sabe usar, portar, manusear e conhece a peça não tem problema algum. Se tivesse então tbm não deveria estar descarregada? Poxa vamos cuidar de reassumir o controle sobre nossas armas e deixar de papo furado, estamos aqui em prol de outra coisa!

    abss

  7. que bacana esse chat… acho que nunca li tanta bobagem junto e tratando de um assunto tão imbecil e fútil… tentem da próxima vez colocar o dedo no cu e rodar…ao invés de colocarem n gatilho

    1. Oi Nelson, tudo bem?
      Acreditamos na liberdade individual. Sendo assim, acreditamos que cada indivíduo, desde que não atente contra a vida, propriedade e liberdade de outro, possa colocar o dedo onde quiser.
      Nós colocamos nossos dedos no gatilho de nossas armas. Fique a vontade para colocar o seu em seu próprio cu. E rodar, claro.
      Abraço!

  8. A trava da arma é a segurança contra o disparo acidental. Se você não sabe usar uma arma com o dedo no gatilho é melhor nem ter uma.

    A última preocupação antes de disparar deve ser destravar a arma e não procurar afobadamente um gatilho com o dedo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *